Curso de Selenium WebDriver – Aula 6 – Exportando classes do IDE e Importando no WebDriver

Olá gente,

Primeiro venho me desculpar pela demora em postar a aula final do curso de Selenium WebDriver. Eu bem sei que quem quer faz, que desculpas não servem muito. Mas é que passei por momentos turbulentos nesse último semestre. Enfim recuperada e tendo devidamente superado todos os obstáculos da vida, volto a humildemente escrever-vos.

A ferramenta Selenium é muito poderosa! Ela te permite gravar e reproduzir ações, diretamente na interface de um sistema, através da sua versão IDE. Ela te permite também criar esses mesmos passos via código-fonte, com o uso da sua versão WebDriver. Mas… e se eu precisar utilizar as duas coisas?

O Selenium IDE sempre disponibilizou a opção de criar um script de teste “codificado”. Lembro que ao utilizá-lo, anos atrás, já era possível exportar os casos de testes gravados nele para classes dos tipos C#, PHP, Java, Phyton, até mesmo Ruby. Sei que hoje existem muito mais tipos que estes citados.

Dito isto, tendo voltado o curso para a plataforma Java, você irá precisar das seguintes ferramentas para executar a exportação do IDE e importação no WebDriver:

  • Browser Firefox e plugin Selenium IDE – versão mais nova e compatível entre os dois
  • IDE para programação Java, equipado com o Maven (vide aula 1) e bibliotecas do WebDriver – recomendo o Eclipse IDE
  • JUnit – versão mínima 4
  • OBS.: Lembrando que utilizo o sistema operacional Ubuntu

Partindo da instalação do Selenium IDE, vamos seguir esses passos:

  1. Acessar o link de download da ferramenta pelo browser Firefox (estou utilizando a versão 34, a mais recente no momento);
  2. Clicar no link de download mais recente (2.7.0 atualmente). No popup que irá abrir, permitir a instalação.
  3. Permitir a instalação dos complementos associados (incluir o Java Formatters para este exemplo);
  4. Reiniciar o Firefox.
Confirmando a instalação do Selenium IDE

Confirmando a instalação do Selenium IDE

Gravando um caso de teste no Selenium IDE e o exportando

  1. No browser Firefox, escolher o menu Ferramentas > Selenium IDE;
  2. Clicar na ação Gravar, realizar uma ação no navegador e “pausar” a gravação;
  3. Exportar o teste no Selenium IDE, acessando o menu Arquivo > Exportar Teste Como > Java / JUnit 4/ WebDriver para uma pasta no sistema operacional. É importante manter a extensão .java do arquivo.
Concluindo a gravação de um teste com o Selenium IDE

Concluindo a gravação de um teste com o Selenium IDE

Importando o caso de teste gravado no IDE para o projeto Java

  1. Abrir a IDE de programação (estou utilizando o Eclipse JavaEE for Web Developers);
  2. Criar um projeto Java contendo o integrador Maven associado (Ver primeira Aula para saber como configurar);
  3. Configurar a dependência do JUnit na IDE [Ver este vídeo para saber como]. Sua versão deve ser compatível com o resultado oferecido pelo Selenium IDE (estou utilizando a versão 4.11);
  4. Copiar a suíte de testes exportada do IDE para dentro do projeto Java. O arquivo .java deve ser inserido na pasta scr/test/java;
  5. Resolver os conflitos de projeto que ocorrem com a inserção da nova classe, ex.: importação da classe, nome da classe, chamada aos métodos, anotações. Lembrar de realizar “extends” para a classe TestCase e a importar.
    OBS.: Eu adicionei um construtor à classe passando o nome do caso de testes public PesquisaGoogle(String nomeTeste){super(nomeTeste)}, além do método public void testApp(){assertTrue(true);}
Importando uma suíte de testes do Selenium IDE como uma classe de testes JUnit no Eclipse

Importando uma suíte de testes do Selenium IDE como uma classe de testes JUnit no Eclipse

Executando o teste:

  1. Abrir a classe de testes importada no projeto (no projeto em questão é a classe PesquisaGoogle.java inserida na pasta scr/test/java).
  2. Verificar o resultado da execução na barra de execuções do JUnit na IDE.
Resultado de execução do teste

Resultado de execução do teste

Link para download do projeto

Enfim, nosso querido curso de Selenium WebDriver chega ao seu fim. Querendo Deus, este será o primeiro de muitos. Fica então o espaço de Comentários aberto para receber dúvidas, críticas, sugestões, melhorias/alternativas de conteúdo a estes posts.

Estou muito grata pelo retorno de vocês! Feliz 2015 a todos! =]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s